Home Quem Somos? História da Música Fale Conosco

 

EDIVAN E GISELE

 

Edivan e Gisele são de São José do Rio Preto, no estado de São Paulo, e caíram na rede com uma bela e caseira versão de “Casebre de Palha”. O sucesso foi tanto que tiveram até que abandonar o emprego para se dedicarem à carreira de dupla sertaneja.
Rolava um churrasco descontraído na varanda de uma casa na cidade de São José do Rio Preto, cidade do interior de São Paulo, 440 km distante da capital. A galera dava risada, bebia e, no forno, estava um bacalhau para acompanhar o encontro. Um sujeito super animado segura o smartphone e grava um casal cantando. Tudo indica que são marido e mulher. Ele, de óculos, está sem camisa e, sentado ao lado de um botijão de gás. Ela, com cabelo preso e avental amarrado, aproveita os respiros na música e se alterna cantando entre a varanda e a cozinha. Juntos, eles cantam de maneira muito harmoniosa e com uma potência impressionante na voz. Mesmo em meio a farra toda, é possível ouvir, claramente, o poder da canção "Casebre de Palha", famosa na voz de Matogrosso e Mathias, uma composição que fala da realidade brasileira após a abolição da escravatura, toada assinada por Morgado e Morinaldo.
Esse vídeo foi para o Facebook, e estourou. Depois vieram o WhatsApp e o YouTube.
Hoje esposo e esposa são, graças ao brutal compartilhamento dessa música, Edivan e Gisele, dupla caipira formada ali, naquele dia 30 de janeiro de 2014, que atualmente vive da sua música e faz uma média de dez shows por mês, no Brasil todo, já tendo se apresentado no Paraguai.
Aparecido Antonio dos Santos (Edivan) é casado com Gisele Mara Moreira (Gisele), há mais de trinta anos.
Um amigo da família, Kleber, da dupla de sertanejo universitário Tonny e Kleber, da região, é quem faz a filmagem. Foi ele mesmo quem subiu pela primeira vez o vídeo. Dois dias após ter postado a filmagem, Kleber ligou para Edivan, e disse que não sabia mais o que fazer e que sequer estava conseguindo trabalhar, tamanho o sucesso que o vídeo estava fazendo na rede, que já ultrapassava 8 mil compartilhamentos.
A postagem original, atualmente com mais de 100 mil compartilhamentos e milhões de visualizações no Facebook, motivou o casal a gravar um segundo vídeo, ainda de forma amadora, mas em um ambiente mais silencioso. Esse já trazia, ao final, um número de telefone para contato. Foi suficiente para que já fossem contratados para apresentações.
Esse vídeo não foi apenas importante… foi tudo de melhor que aconteceu na vida do casal.
O início de 2014 foi bastante conturbado na vida do então assessor da prefeitura de São José do Rio Preto. Após muitos anos sem estar no cenário sertanejo, tinha reatado, a pedido do cantor e amigo José Rico (1946-2015), a dupla Edivan e Brasileiro.
Esse projeto havia se iniciado em 1977, ano em que chegaram a gravar um disco em um estúdio na Rua Mauá, no Bom Retiro, em São Paulo. Conviveram com músicos da época, do cenário sertanejo que se formava, mas deixaram a parceria em 1982.
Com o retorno em 2013, preparavam um novo álbum. Nunca foi lançado. João Carlos da Silva, o Brasileiro, viria a morrer em um acidente de carro, aos 56 anos, no início do ano seguinte.
Edivan pensou em parar, até que após anos cantando sozinho ou com outros companheiros de palco, o cantor teria dentro de casa, com a sua esposa, uma nova chance de prosseguir na música.
Lógico que Gisele não aprendeu a cantar no dia do vídeo. Nascida em São Carlos, mudou-se para a região de São José Rio Preto e, influenciada pela família de músicos, cantava desde os dez anos de idade. Seus irmãos caçulas, os artistas mirins Tico-Tico e Beija-Flor, no final dos anos 80, paravam o Brasil com seus mullets e roupas de franja aos domingos no Programa "Show de Calouros", apresentado por Sílvio Santos. Mas Gisele afirma que a grande inspiração para sua forma de executar as músicas com a voz foram os seus pais, Gilberto e Roseli, que chegaram a gravar um álbum sob o nome de Duo Oriental. A mãe, Roseli, faleceu em 2016.
Em 1986, Edivan estava na estrada, passando por São José do Rio Preto, quando foi chamado por um amigo, dono de uma lanchonete, para integrar o corpo de jurados em um concurso de talentos locais que organizara. Cansadão, vindo de shows e de longo trecho na viagem, pensou em declinar. Acabou indo. Mal se mantinha acordado quando viu a jovem Gisele se apresentar no palco com a irmã. Ficou apaixonado. Namorou por apenas dois meses, e estão juntos desde então.
Aliás, se a paixão foi forte, as notas do júri nem tanto - as irmãs ficaram em segundo lugar na competição. A dupla formada pelos pais das meninas levou o prêmio principal da noite.
Poucos meses após a explosão na internet, a dupla já estava no palco do Viola Minha Viola, emocionados, cantando ao lado de Inezita Barroso. Desde então já passaram pelo Programa do Ratinho, Balanço Geral, também por diversas apresentações em programas do Padre Alessandro Campos, tanto na TV Aparecida, quanto na Rede Vida, sem falar em tantas outras atrações ligadas a esse gênero musical, em emissoras regionais e na internet.
Edivan teve de deixar o emprego na prefeitura para se dedicar à carreira. Montaram um escritório e lidam diretamente com cada contato.
Gravaram dois CDs: um em 2014 e outro em 2015. Os álbuns estão disponíveis no YouTube e recebem o nome CD1 (Velha Porteira) e CD2.
Em suas músicas, a dupla canta de uma forma muito única, alternando quem faz a primeira voz, sempre em uma harmonia perfeita com a segunda, muito característica da música raiz. Durante a execução das canções, é possível esquecer que há instrumentos acompanhando. Há apenas a voz de Edivan e Gisele. Aliás, é muito comum se arrepiar, se emocionar.
Fazem sucesso entre público de diversas idades, tanto os mais velhos, saudosos, quanto dos jovens, admirados. Cantam dentro de casa, com carinho. Abrem suas vidas para o público, em uma pura e bela homenagem a um de nossos estilos musicais mais autênticos.

Contatos Para Shows:
Fones: (17) 99623-5636 / (17) 99666-1515 / (17) 99252-0322

 

DISCOGRAFIA

 

LPs e CDs

 

EDIVAN E BRASILEIRO - LEMBRANÇA DE QUEM EU AMO - 1978 - CANCAN DISCOS - CANLP-0115
01) Lembrança de Quem Eu Amo - Praense e Juliano
02) Rosana - Benedito Praconi
03) Amigo da Saudade - Durval, Davi e Brasileiro
04) Balança da Ilusão - Brasileiro
05) Nosso Amor Já Não Convém - Praense
06) Jogo da Vida - Compadre Lima e Brasileiro
07) Quebra do Silêncio - José Vigna Filho e Benedito Praconi
08) A Voz do Vento - Valdemar de Freitas Assunção
09) Castigo do Passado - José Vigna Filho e Benedito Praconi
10) Minha Última Derrota - Compadre Lima e Romualdo Palma
11) Rainha Sem Trono - Valdemar de Freitas Assunção
12) A Estudante - Compadre Lima e Benedito Praconi

 

EDIVAN E BRASILEIRO - O AMOR NÃO MORRE - VOL. 02 - 1979 - CANCAN DISCOS - CANLP-0140
01) Dona da Chave - Jaime Sandoval e Lírio
02) Lua de Mel - Sargento Juarez Miranda e Cancioneiro
03) Presídio de Mulheres - Praense e Cumpadre Lima
04) Noite Triste - Euclides dos Santos, Osvaldo Bagunça e Praense
05) Marcas do Passado - Benedito Pracone e Waldemar F. Assunção
06) Teu Adeus - José Fialho Neto e Antonio Cardoso
07) Coincidência do Destino - Benedito Pracone e Lário
08) Sombra de um Homem - João Fardinho e Nico Pinheiro
09) Amor de Operária - Osvaldo Bagunça
10) O Amor Não Morre - Compadre Lima e Romualdo Palma
11) Amor em Segredo - Nhô Miranda
12) A Mesma Estrada - José Fialho Neto e Dom Monteiro

 

EDIVAN E SONELLI - BOI BÃO - 1984 - CANCAN DISCOS - CANLP-10274
01) Eu Tenho Posto - Edivan e Lírio
02) Pau de Sebo - Moraezinho
03) Sócio da Comadre - Nascimento e Valdir Pontis
04) Amada e Desconhecida - Edivan e Lírio
05) Vizinha - Geraldinho e Taviano
06) Gamadinha - Sonélio e Meirinho
07) Aventureira - Edivan e Antonio Putre
08) Amor de Coroa - José Abraão de Sá e Isabel P. de Sá
09) Sanfona da Véia - Edivan e Lário
10) Boi Bão - Edivan e Sonélli
11) Coincidências do Destino - Benedito Pracone e Lário
12) Chaqualhadinho - Sonélli e Maria Cavelagna

 

EDIVAN E GISELE - CLÁSSICOS SERTANEJOS - 2014
01) Aurora do Mundo - Goiá
02) A Carta do Pracinha - Zé Paioça
03) Berrante da Saudade -
04) Casa de Caboclo -
Nonô Basílio
05) Estrada Velha -
06) Índia -
José Asunción Flores e Manuel Ortiz Guerrero - Versão: José Fortuna
07) Pedacinhos - Carlos Randall
08) Poeira - Luiz Bonan e Serafim Colombo Gomes
09) Velha Porteira - Hélio Alves e Ziltinho
10) Só Pode Ser Jesus -

 

EDIVAN E GISELE - SERTANEJOS DE VERDADE - VOL. 02 - 2015
01) O Mais Importante é o Verdadeiro Amor - Roby Facchinetti e Valerio Negrini - Versão: Fernando Adour
02) Casebre de Palha - Morgado e Morinaldo
03) Meu Paraíso -
04) Vento -
05) Último Adeus -
06) Chuva na Serra -
Carlos Cézar e José Fortuna
07) Maringá - Joubert de Carvalho
08) Porta Encostada - José Fortuna e Paraíso
09) Mais uma Noite Vou Dormir Sem o Meu Bem - Goiá e Waldemar de Freitas Assunção
10) Paineira Velha - José Fortuna
11) Ao Meu País -
12) Enxada de Ouro -
José Fortuna e Jair Sanches
13) Quatro Estados -
14) Escolta de Vagalumes - Luis Carlos Garcia e Zezety
15) Tristeza do Jeca - Angelino de Oliveira

 

VÍDEOS

 

Edivan e Gisele no Programa Viola Minha Viola em 27/04/2014

Edivan e Gisele no Programa Balanço Geral em 15/07/2014

Edivan e Gisele no Programa Terra da Padroeira

 

FOTOS

 

Visual LightBox Gallery generated by VisualLightBox.com
Edivan e Gisele - 001 Edivan e Gisele - 002 Edivan e Gisele - 003 Edivan e Gisele - 004 Edivan e Gisele - 005 Edivan e Gisele - 006 Edivan e Gisele - 007 Edivan e Gisele - 008 Edivan e Gisele - 009 Edivan e Gisele - 010 Edivan e Gisele - 011 Edivan e Gisele - 012 Edivan e Gisele - 013 Edivan e Gisele com Inezita Barroso Edivan e Gisele com Léu Edivan e Gisele com Luiz Rocha Edivan e Gisele com Padre Alessandro Campos Edivan e Gisele com Pedro Bento e Zé da Estrada Edivan e Gisele com Ratinho Edivan e Gisele no Programa do Padre Alessandro Campos visual lightbox for MACby VisualLightBox.com v6.1